Pular para conteudo principal

TV Assembleia

A imagem da Cidadania

Inaugurada oficialmente no dia seis de maio de 2004, a TV Assembleia ganhou dimensão no primeiro 21-8-13_JG MARCELO JOSÉ (4)semestre de 2012, quando o presidente Ricardo Marcelo oficializou, simbolicamente, a nova programação, com o tema “Um Momento Novo”. Numa entrevista ao canal, o dirigente do Poder enfatizou que a aquisição de novos equipamentos digitais e investimento em pessoal técnico qualificado foram essenciais para que a emissora aproximasse cada vez mais o Legislativo da população. O empenho da gestão atual tem sido o de viabilizar o canal aberto, com acesso extensivo a todos os 223 municípios do Estado, numa integração com sistema de rádio, sintonizável, inclusive na Internet. Nas palavras de Ricardo Marcelo, o papel dos meios de comunicação da AL, incluindo-se, aí, o site que passa a ser remodelado, é o de valorizar a Cidadania e dar transparência efetiva à atuação dos representantes da sociedade.

Foi celebrada uma parceria com o Senado Federal, de fundamental importância para a agilidade na cobertura das sessões e eventos que constituem a rotina de trabalho da Casa de Epitácio Pessoa. A nova “grade” trouxe programas como “AL Notícia”, “Plenário Agora” e “Agora é Lei”, noticiando os projetos apresentados pelos parlamentares, sancionados pelo Executivo. A interação com as redes sociais é imprescindível para o alcance maior da penetração da programação, que tem produzido entrevistas com artistas, jornalistas e personalidades de destaque nas diferentes esferas sociais, bem como edições especiais acerca de fatos históricos da Paraíba. Os estúdios da TV AL, Canal ll NET, foram reformados e receberam novos cenários, com destaques para os painéis focalizando pontos marcantes da Paraíba. No início, a programação foi ao ar através do canal 36 da BIG TV, posteriormente através dos canais 26 e 22 e, finalmente, disponibilizada no canal 11 da NET TV. As manifestações de aplauso à iniciativa do Poder são constantes. Por ocasião de sessões polêmicas, apresentadores de programas de debates em emissoras de rádio e televisão acompanham o desenrolar dos trabalhos, irradiam para seu público trechos de discursos e declarações de voto. É uma espécie de referência, pela sua capacidade de transmissão em tempo real, contando com uma equipe do melhor nível, sob o comando da jornalista Beth Torres, Coordenadora de Comunicação da Assembleia.

TV_Assembleia (2)Na inauguração, em maio de 2004, compareceram autoridades como o então governador, hoje senador Cássio Cunha Lima, o ex-senador Efraim Morais, o ex-presidente da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte e outros convidados. A idéia de criação partiu do então deputado estadual Ricardo Coutinho, atual governador, e recebeu o apoio dos integrantes da Mesa Diretora e demais integrantes do colegiado. Dada a autorização, foram iniciados os primeiros contatos com técnicos da Universidade Federal de Pernambuco, que, através de uma de suas fundações e apoio técnico de pessoal da TV Independente do vizinho Estado, já fazia funcionar a TV Assembleia de Pernambuco. Os trabalhos de instalação dos equipamentos começaram nos primeiros dias de novembro de 2003. No dia 10 de dezembro, em caráter experimental, através do Canal 36, da BIG TV, os cidadãos paraibanos passaram a acompanhar ao vivo os trabalhos desenvolvidos pelas comissões permanentes e especiais, bem como as sessões plenárias. “É uma vitrine para a opinião pública”, ressalta o deputado João Gonçalves, elogiando a qualidade técnica dos equipamentos e o elevado nível da programação.

Profissionais dos Setores de Comunicação e Cidadania foram responsáveis pela programação da TVA na fase inicial, coordenados por Gilson Souto Maior, Anchieta Araújo e Nonato Bandeira. Integraram, ainda, a primeira equipe da emissora nomes como Eri Alves, Wendell Rodrigues, Jefferson Sales, Hermes de Luna, Kátia Pinheiro, Edmilson Pereira, João Camurça, Gilmar de Lima, Bia Fernandes, Michele Ribeiro, Michele Almeida, Sales Fernandes, Abelardo Oliveira, Jaimacy Andrade, Albiege Fernandes, Isabella Villante, Cínara Marques e Sergio Alves (remanescente da administração do deputado Rômulo Gouveia, que integrou-se a equipe). Na administração de Arthur Cunha Lima, os jornalistas Napoleão Ângelo, Carlos César e Agnaldo Almeida foram incorporados à equipe, mais tarde reforçada por Giovani Meirelles, Beth Menezes, Mônica Nascimento, Márcia Cabral, Sílvia Cabral, Marcela Vilhena, Alana Beltrão e Jefferson Sales.

>>Assista a TV Assembleia ao vivo<<

>>Confira o canal da TV Assembleia no You Tube<<

A programação abre espaço para reconstituição de episódios da história do Legislativo e da Paraíba e para o noticiário de esportes. Gilson Souto Maior ressalta que coberturas épicas no jornalismo paraibano foram desenvolvidas pela TV Assembleia. Mas a proposta de levar ao público os debates travados é salientada com carinho pelos parlamentares. “Essa exposição era necessária para dar visibilidade concreta ao que se faz e para mostrar que a Assembleia Legislativa da Paraíba cumpre o seu dever de representar os interesses da população. Daí a constatação de que a TV Assembleia tem sido um marco divisor no âmbito da comunicação institucional, contribuindo para a transparência em paralelo com outros instrumentos a que o cidadão comum tem acesso para poder fiscalizar o comportamento dos seus representantes”, ecoa o deputado Edmilson Soares, vice-presidente do Poder Legislativo. E o presidente Ricardo Marcelo conclui: “Pretendemos avançar mais e mais na ocupação de espaços que valorizem o trabalho parlamentar e as potencialidades da Paraíba. É um compromisso de todos os que fazem não apenas a Mesa Diretora mas o colegiado legislativo”.

Últimas Fotos

  • 9-4-14_JG ATORES  DO FILME GRAVADO EM CABACEIRAS (7)
  • 9-4-14_JG ATORES  DO FILME GRAVADO EM CABACEIRAS (5)
  • 9-4-14_JG ATORES  DO FILME GRAVADO EM CABACEIRAS (4)
  • 9-4-14_AC ATORES DO FILME (28)
+ Ver outras